Pop Tart de Morango

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Os Pop Tarts são como tortinhas em miniatura. Massa quebradiça, bem amanteigada, recheada com o que você mais gostar. Esses eu fiz para o aniversário do Chocoranguinho e usei uma geléia de morango sem açúcar algum, feita em casa.

Pop tart de morango
Receita adaptada do site Smitten Kitchen.

*Xícara medidora de 240ml

2 xícaras de farinha de trigo
1 colher (sopa) de açúcar
1 colher (chá) de sal
200g de manteiga sem sal, gelada e cortada em cubinhos
1 ovo
2 colheres (sopa) de água gelada

Recheio de morango
200g de morango fresco
Açúcar se os morangos não estiverem doces

Preparo
1. Em um bowl, misture a farinha, açúcar e sal. Junte a manteiga e misture com um garfo até formar uma farofa úmida. Acrescente o ovo e a água e junte tudo em uma bola homogênea, sem sovar. Embrulhe a massa e leve para a geladeira por 1 hora.

Recheio de morango
2. Higienize os morangos e corte em pedacinhos bem pequenos ou esmague-os com as mãos. Leve ao fogo baixo cozinhando por 10 minutos. Deixe esfriar completamente para rechear a massa crua.

Montagem
3. Pré-aqueça o forno a 180ºC. Forre duas formas grandes com papel manteiga.

4. Abra a massa sobre uma superfície ligeiramente enfarinhada e corte com um cortador redondo. Sobre um círculo de massa coloque um palito de churrasco (se deseja um pop tart no palito), em seguida uma pequena porção do recheio e sobreponha outro círculo de massa cortada. Pressione os dentes de um garfo nas bordas de todo o círculo para selar bem e faça furos na superfície do biscoito. Asse por cerca de 15 minutos ou até dourar. Deixe esfriar totalmente sobre uma grade antes de guardar em um pote hermeticamente fechado.

Dicas: Imagine a variedade de recheios possíveis para esse biscoito! Nutella, ganache de chocolate, manteiga de amendoim, doce de leite...
É possível congelar os pop tarts montados mas ainda não assados por até 3 meses e assados por mais 3 meses.

Rende: Cerca de 25 pop tarts.

Pop tart de morango

Mais receitas deliciosas:
Bolacha recheada de brigadeiroBolachinha com goiabada, açúcar e canela

Obrigada pela visita!

Assine a Newsletter do Chocorango e volte sempre!

12 comentários:

  1. Delícia!

    Chocoranguete de Curitiba

    ResponderExcluir
  2. Que meigo Talita,e parece q derrete na boca,vou anotar tudo,quero fazer pra festinha do meu filhote,beijinhos!

    ResponderExcluir
  3. OI

    Eu moro na Belgica e aqui tudo fica duro muito rapido e gostaria de saber aqul o tempo de validade do pop tart e se eu colocar um saquinho em cada um, ele ira durar mais?

    ResponderExcluir
  4. Que mimosos Talita, ficaram perfeitos e deliciosos certamente. Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Talita, esse ano também resolvi inovar e fazer todos os comes da festa do pimpolho! E olha, nada melhor do que ver o pessoal falando bem da nossa comida, né? Já vou pegar essas pop tarts pro próximo ano! Adorei as dicas da festinha do Chocoranguinho, que está lindo mesmo!

    Beijão!

    ResponderExcluir
  6. Aiii que delíciaaaa hummmm que vontade......no dia da festinha tinha tanta coisa que essa gostosura eu não provei...snif...snif...snif

    Beijinhosssss

    ResponderExcluir
  7. Hummmmm....

    que delícia esses Pop Tart Talita! Sem contar que ficaram lindos!

    Eu querooo!!! hehehe...

    Beijão querida!

    ResponderExcluir
  8. Olá como vai vc , tudo bem ?
    estou aqui para pedir uma gentileza se vc puder
    estou com uma parceria nova no blog, e dependendo
    dos comentários deixados sobre os produtos eles vão ceder
    um kit para sorteio , vc poderia passar por lá para deixar um recadinho
    ficaria grata e assim eu consigo mais prêmios para os amigos do blog
    http://vivendoartes-aleartes.blogspot.com.br/2012/12/dica-de-produtos.html
    agradeço desde já

    ResponderExcluir
  9. olá minha amiga, cá estou para lhe deixar um desejo de um resto de domingo escelente e uma boa semana cheia de boas receitas. Embora eu nem sempre deixe rasto, o facto é que passo todos os dias pelos meus blogs preferidos e este seu consta da minha lista claro e hoje vejo que publicou mais uma delícia, beijinhos .....

    ResponderExcluir
  10. A festinha do seu pequeno ficou lindaaaa!! Amei e vou testar essa receita e postar no meu blog o resultado!!! =D
    Parabéns pelo lindo principezinho e pelas delícias!! Seu blog é muito fofo!!! Adoro vir aqui e checar as novidades!!!! =D

    ResponderExcluir
  11. A culinária é a arte de cozinhar[1], ou seja, confeccionar alimentos e foi evoluindo ao longo da história dos povos para tornar-se parte da cultura de cada um. A culinária está invariavelmente associada à cozinha, pois este é o local ideal para cozinhar. Os métodos de culinária variam de região para região, não só os ingredientes, como também as técnicas culinárias e os próprios utensílios. Por exemplo, a cataplana é um recipiente para cozinhar alimentos típico do Algarve, equivalente à tajine de Marrocos. A alheira de Mirandela é um dos alimentos mais exclusivos da cozinha portuguesa, enquanto no Brasil, os pratos típicos incluem a feijoada brasileira e o churrasco. O cozinheiro principal é normalmente conhecido como chef, assim reconhecido pela sua boa cozinha e dotes culinários.

    O desenvolvimento industrial teve igualmente um grande impacto na forma como as pessoas se alimentam. Por exemplo, as receitas diet a maior incidência de pessoas trabalharem longe de casa ou terem mais horas de trabalho levou ao surgimento da comida rápida; por outro lado, a consciência da segurança alimentar e da qualidade dos alimentos levou à criação de regras, por vezes na forma de leis, sobre a forma como os alimentos devem ser vendidos.

    História da culinária

    No início da história humana, as receitas de vegetais ou animais caçados para esse fim e consumidos crus. Posteriormente, com a descoberta do fogo, os alimentos passaram a ser cozinhados, o que aumentou a sua digestibilidade, possibilitando o desenvolvimento orgânico do Homem.

    Os tipos de ingredientes usados na alimentação humana dependem da sua disponibilidade local como as receitas de comidas nordestinas: o trigo é um dos ingredientes básicos da culinária europeia e mediterrânica, enquanto na Ásia é o arroz. No entanto, alguns produtos foram exportados das suas regiões de origem, como a batata, originária dos Andes, que se tornou num dos alimentos principais no norte da Europa, ou o milho, originário das regiões norte do México, que é o alimento básico na África oriental.


    Com a descoberta do fogo, o homem teve que inventar utensílios para preparar a comida, como a receita de costela assada – pensa-se que isso foi possível com a descoberta da cerâmica – e apareceram as primeiras panelas e recipientes para a água. Provavelmente a cozedura simples dos alimentos em água mostrou a existência de gordura animal que foi, mais tarde, refinada e usada para os refogados e guisados e depois para a fritura.

    ResponderExcluir

Pin It button on image hover
© Chocorango - 2013. Todos os direitos reservados. Criado por: Talita B. Tecnologia do Blogger. Chocorango